quinta-feira, 11 de junho de 2009

Brasil vence mais uma e segue líder

Apesar de não ser um assunto relacionado ao América Futebol Clube, abrimos excepcionalmente hoje o blog para comentar sobre a notícia do momento: "A seleção brasileira sai de Recife vitoriosa e com a liderança isolada das Eliminatórias"
Na noite passada Recife viveu mais uma emocionante página com a seleção brasileira onde presenciou a vitória de virada do esquadrão canarinho pra cima da seleção paraguaia liderada pelo gordinho bom de bola Cabañas que foi responsável por boa parte dos ataques do Paraguai. A torcida pernambucana mostrou que é uma das mais apaixonadas do Brasil e não se deixou a bater com o gol sofrido aos 25 minutos do primeiro tempo marcado por Cabañas, em cobrança de falta, além de em nenhum momento ter havido confusão entre os torcedores do Santa Cruz, Náutico e Sport que civilizadamente dividiram o espaço com os torcedores paraguaios também sem haver ostilização entre as partes.
Dentro de campo a seleção brasileira não apresentou um grande futebol e alguns de seus principais astros aparentemente não estavam em sintonia com a partida que valia a liderança isolada das Eliminatórias da Copa, aos poucos mostrou por que é a seleção mais respeitada do mundo e graças a Robinho, visivelmente muito abaixo do que poderia apresentar, marcou um gol se infiltrando pela a pequena área após cruzamento perfeito de Daniel Alves aos 40 minutos da primeira etapa. No intervalo, a festa dos pernambucanos não parava com gritos de incentivos e carinhos jogadores brasileiros tendo como principal alvo Kaká por parte do público feminino presente.
No segundo tempo quase no começo da etapa complementar Nilmar, que nesta oportunidade vestiu a camisa 9 imortalizada pelo Fenômeno Ronaldo, mostrou por que é um dos principais jogadores em atividades no Brasil defendendo a excelente equipe do Internacional de Porto Alegre marcando um gol oportunista após tentativa de passe para Robinho. Com o segundo gol a seleção pentacampeã mundial passou a ter domínio do jogo até o seu encerramento e a festa local era fechada com chave de ouro por sua sempre fiel torcida pernambucana que em algum momento vaiou os jogadores da terra e sim aplaudiu exaustivamente mesmo nos momentos de falhas erros e desconcentração na partida.
Agora a comitiva segue rumo a África do Sul para participar da Copa das Confederações, uma espécie de laboratório para testar os estádios e a estrutura do país sede da próxima Copa do Mundo. Recife sempre estará de braços abertos para receber sempre que precisar a Seleção Brasileira de futebol.

0 comentários:

Postar um comentário