sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Um adversário nunca vencido

Quando o futebol brasileiro caminhava para a profissionalização era comum que os clubes participassem de excursões e torneios amistosos fora de suas cidades de origem para a arrecadação de verbas, venda e compra de jogadores além da interação das agremiações esportivas de diferentes regiões do país e o Clube de Regatas do Flamengo fazia jus a esta regra tendo como um dos principais destinos as capitais nordestinas. Em 1925 o clube da até então capital do Brasil desembarca pela primeira vez em Recife para uma série de partidas amistosas, o primeiro duelo com uma equipe pernambucana se deu numa sexta-feira (16/01) tendo como adversário o Torre que organizara um certame amistoso chamado Troféu Torre Sport Club para comemorar o vice-campeonato estadual conquistado em 1924 ao termino da partida o Flamengo vence a disputa por 3 a 1 ficando com a taça de campeão, dois dias depois (18/01), o clube carioca entra novamente em campo só que desta vez contra o atual campeão do estado o Sport para a disputa do Troféu Agência Hudson e acaba levantando a taça de campeão mesmo empatando por 3 a 3. Na quinta-feira (22/01) foi a vez do Santa Cruz enfrentar os excursionistas pelo Troféu Jornal do Commércio de Pernambuco e mais uma vez o Flamengo conquistava um título sobre uma equipe local por 3 a 0, no sábado seguinte o time da Gávea voltaria a disputar outra taça enfrentando naquela oportunidade a Seleção Pernambucana pelo Troféu Sérgio de Loreto e como já havia se acostumado sagrou-se campeão vencendo por 2 a 0. A última partida do Flamengo em solo recifense em 1925 aconteceu contra o América numa partida sem nenhum título posto em disputa datada no dia 27/01 o confronto terminou 6 a 1 para o rubro-negro confirmando assim a superioridade da equipe carioca perante as pernambucanas. No ano de 1946 o Clube de Regatas do Flamengo retorna a capital pernambucana para a realização de três amistosos e desta vez o primeiro confronto foi no dia 7 de abril com o Glorioso da Estrada do Arraial que novamente não conseguiu superar o time rival e saiu derrotado por 4 a 2, após esta partida o time carioca venceu o Náutico por 4 a 0 e empatou por 1 a 1 com o Sport. Em 1951 quando o América viajou até o Rio de Janeiro para excursionar, acabou enfrentando o time da Gávea que venceu a partida por 3 a 0 com o reforço do ex-alviverde Dequinha, que tivera uma passagem excepcional pelo o América em 1950, a partida entre ambas as equipes ocorreu no Estádio General Severiano de antiga propriedade do Botafogo Futebol e Regatas na data de 31 de julho. A última partida entre América e Flamengo aconteceu em 6 de julho de 1988 quando o rubro-negro visitava cidades do sertão nordestino e acabou por mais uma vez se deparando com o América no Estádio da Associação Rural, campo em que o Flamengo já havia jogado em 1987 empatando por 1 a 1 com a Seleção de Petrolina, na segunda vez em que jogava no estádio a equipe carioca saiu vitoriosa vencendo por 1 a 0 com gol do volante Flavio. Fonte: Flapédia.

6 comentários:

  1. É por essas e outras que o meu Mengão é amado por todos os estados do Brasil, nos fazendo ter a maior torcida do Brasil... sem dúvidas!

    Uma vez FLAMENGO, FLAMENGO até morrer!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. no mundo da fantasia pode ser que isso aí aconteça! Chivas Guadalajara maior torcida do mundo passar bem!

      Excluir
  2. Meu Flamengo é popular... Meu Flamengo é do Povão! Meu Flamengo é BRASILEIRO!!! Viva o Flamengo... Campeão do Mundo! Maior torcida do Brasil!

    ResponderExcluir
  3. Do meu magnífico Sport o timeco sem teto não ganhou. Conosco o buraco é mais embaixo hehehe...

    ResponderExcluir
  4. Dos times pernambucanos em relação ao flamengo carioca, o que tem o histórico mais equilibrado é o santa cruz. O flamengo detém apenas 2 vitórias a mais no confronto contra os corais , 8 x 6.
    Já contra o sport a contagem é de 5 vitórias a mais para os cariocas, 14 x 9.
    Vale ressaltar no entanto, que os números são relativos, pois o confronto sport x flamengo foi realizado 28 vezes, enquanto santa cruz x flamengo foi realizado por 21 vezes.
    A diferença entre as vitórias de um e de outro, foram os empates acontecidos.
    Já contra o náutico, foram 24 confrontos, com 15 vitórias carioca, e apenas 3 pernambucana.

    ResponderExcluir
  5. Só fazendo uma correção. Em números relativos, o confronto flameguista mais equilibrado contra pernambucanos, é contra o central de Caruaru.
    Foram justo 2 partidas, com uma vitória para cada lado.

    ResponderExcluir