domingo, 13 de junho de 2010

Hoje é focar na vitória

Esmeraldinos, hoje a tarde no Ademir Cunha o América joga para recuperar os pontos perdidos contra o Decisão. Outro resultado que não seja a vitória pode até não complicar o Campeão do Centenário, mas irá prolongar as chances de classificação antecipada. Se é verdade que neste campeonato não existe visitante papa-tudo, então a diferença terá que ser feita em casa e vence quem pode contar com o apóio maciço da sua torcida. Portanto, meu amigo americano, faça um esforço e vá a Paulista empurrar o time contra os rivais, pois este campeonato não é para fracos. Quem não aguenta, beba leite. A torcida esmeraldina terá que ser fortes para aguentar as emoções nas próximas rodadas, e isto vimos no jogo passado. Tropeços e vitórias sempre existirão. Não estaremos imunes a decepções, portanto vamos valorizar cada conquista e ajudar nossos guerreiros a sobressair e continuar próximo a ponta da tabela. A esperança verde e branca é o possível retorno de Almir no setor de criação. Isso além de dar ânimo e confiança ao elenco, poderá melhorar as chances de gols esmeraldinos. A nossa artilharia pesada que trabalhou bem contra o Íbis precisa deixar sua marca hoje. Provavelmente o jogo será decidido nos detalhes, na marcação e no oportunismo. A diferença no marcador será mínima. E se a partida for definida na bola parada, logicamente a favor do América através de uma penalidade, deixem a Muralha Verde bater, pois Eduardo mostrou nesta quinta que entende do riscado! A péssima notícia será a ausência de Branquinho, por motivos de saúde dias antes da partida e será dispensado. No lugar dele deverá entrar Lúcio. Outro desfalque será a do volante Algodão, que não jogará devido a suspensão automática em consequência do terceiro cartão amarelo. Nos resta torcer para que estes desfalques não interfira no entrosamento da equipe e atingirmos nossa meta de vitória. Vamos lá América, a tarefa será difícil, mas com fé, paixão e determinação voltaremos a vencer.

0 comentários:

Postar um comentário