quarta-feira, 16 de junho de 2010

Parabéns a Federação Pernambucana de Futebol, 95 anos!

A instituição que organiza o futebol pernambucano, que promove campeonatos e leva os times do Estado para competições nacionais está completando, nesta quarta-feira, 95 anos. No dia 16 de junho de 1915, o Diário de Pernambuco anunciava o importante encontro dos dirigentes para a criação da tão sonhada liga:
Hoje, às 18 horas, haverá reunião das comissões representativas dos clubes esportivos desta capital, a fim de discutirem o melhor de organização de uma Liga de Futebol. Pede-se o comparecimento das comissões de todos os clubes à dita reunião, que se efetuará na Estrada de João de Barros, número 19-A
A Federação, que foi fundada como Liga Sportiva Pernambucana (LSP), mudou o nome depois (1918) para Liga Pernambucana de Desportos Terrestre (LPDT), posteriormente (1931) para Federação Pernambucana de Desportos (FPD), e finalmente o nome que mantém até hoje, adotado a partir de 1955, teve sua criação a partir de três membros fundadores, o Santa Cruz Futebol Clube, Sport Club Flamengo (extinto) e João de Barros Futebol Clube, hoje América, no entanto, houve outras equipes que também obtiveram este status como o Sport Club do Recife, Clube Náutico Capibaribe, Associação Atlética Great Western, atual Clube Ferroviário do Recife, Íbis Sport Club e Auto Esporte Clube (extinto). A FPF conta, hoje, com 94 filiados, entre clubes e ligas, e organiza 10 competições, como, por exemplo, Campeonato Pernambucano de Futebol Profissional, femininos e outras competições amadoras . Atualmente, a FPF é a sexta federação mais importante no cenário brasileiro e a primeira no ranking norte/nordeste. Ao todo 30 presidentes dirigiram a Federação e nestes 95 anos, 27 deles foram representados pelo ex-presidente do América, Rubem Moreira, no período de 1955 a 1982. Dono de enorme prestigio na política e no esporte, era conhecido como o "Vice-Rei do Nordeste". Neste período, uma de suas principais metas foi a interiorização do futebol pernambucano e que foi plenamente consolidado. Seu prestígio e importância no futebol pernambucano é tão grande que o edifício-sede da Federação, situado no bairro Boa Vista imortalizou o ex-dirigente. Atualmente, a federação é dirigida por Carlos Alberto Oliveira e mantém-se no cargo há 15 anos, tendo em sua diretoria José Joaquim Pinto de Azevedo, ex-dirigente no América na metade da década de 70. Para o futuro, o grande objetivo é fazer uma bela Copa do Mundo em 2014, que será sediada em São Lourenço da Mata, com a construção da Arena da Copa. Texto do PE360 Graus, com alterações.

0 comentários:

Postar um comentário