segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Amor e Abnegação

Por Marcos Leandro, no Jornal do Commercio

Pernambucano começa dia 13 deste mês, mas já mexe com torcedores. Alguns não se contentam só em torcer e ajudam seus clubes
O Réveillon já faz parte do passado, 2011 chegou e o Campeonato Pernambucano já está pedindo passagem. Se rubro-negros, alvirrubros e tricolores estão ansiosos para o início do certame, dia 13 deste mês, nas outras nove agremiações que disputam a Série A1 a expectativa também é enorme. Tanto dos mais jovens quanto dos mais experientes. “O meu filho não quer deixar eu ir para a estreia, contra o Sport. Ele diz que se o América perder, vou cair duro. E se o América vencer também”, brinca Teófilo Sérgio da Silva, 87 anos, torcedor e funcionário do Mequinha, que volta a Primeira Divisão após 15 anos e pega o pentacampeão Sport, na primeira rodada. Apesar da preocupação do filho, da avançada idade, seu Teófilo diz que vai comparecer à Ilha do Retiro de qualquer maneira. Mesmo com as dores que ainda sente na clavícula, resultado de um atropelamento sofrido de uma moto há dois meses, na estrada do Arraial, em Casa Amarela, bem em frente à sede do Periquito. A dedicação de Teófilo ao América tem explicação. Há 57 anos ele está envolvido com o clube. “Entrei no clube em 1953, pois meu pai fornecia bebida para as festas que eram promovidas no clube. E desde então minha vida passou a ser o América. Venho aqui (sede do Arraial) todo o dia”, afirmou o senhor de conversa fácil. Seu Teófilo é uma espécie de guardião da memória do América. Com cuidado, ele é o responsável por manter intacta a história do clube, seis vezes campeão pernambucano. “A minha maior preocupação é saber se depois de mim alguém vai zelar pelos troféus, documentos e tudo o que diz respeito ao clube”, destaca o abnegado Teófilo, sentado em uma cadeira antiga, com o escudo do América cravado. A 683 km do Recife, em Araripina, Gerinaldes Gomes também é mais do que um torcedor do Bode do Araripe. O seu mercadinho, localizado próximo à prefeitura do município, é uma extensão do clube. É lá onde os moradores da cidade e visitantes podem comprar as camisas do Araripina. O estabelecimento também serve como ponto de apoio para venda de ingressos em dias de jogos, desafogando um pouco as bilheterias do estádio Chapadão do Araripe. A relação do comerciante com o time de futebol da cidade vai muito além de ceder o espaço do seu mercadinho para a comercialização dos uniformes do clube – vale a pena destacar que toda a verba vai para o Araripina. “Organizamos um bingo há pouco tempo e um percentual do arrecado foi destinado para ajudar o clube nas despesas”, conta Gerinaldes, que expõe no seu estabelecimento duas camisas autografadas do Bode. A azul foi do acesso para a elite, obtido em 2009. Já a amarela foi utilizada na Série A1 do ano passado. Para o certame deste ano, quando o Bode vai participar pela segunda vez do Estadual, Gerinaldes está empolgado. “O clube está mais organizado e a expectativa é para uma grande campanha. Torcida não vai faltar, afinal, no Sertão, o rei da selva é o Bode”, diz o comerciante, que espera bater recorde na venda de camisas. “Esperamos vender três mil camisas, a R$ 50 cada”, complementa. Incentivo das arquibancadas também não vai faltar ao também sertanejo Petrolina. Os amigos Vinícius, 15 anos, Luís Gustavo, 15, e Diogo, 18, criaram durante a Série A2 de 2010 a Torcida Jovem do Petrolina. O apoio deu sorte a Fera Sertaneja, que foi campeã da competição e subiu para a elite. “Esperamos que agora, com o time na Primeira Divisão, mais pessoas compareçam ao estádio Paulo Coelho para incentivar o Petrolina”, comentou Luís Gustavo, acrescentando que a Torcida tem cerca de 500 seguidores no Orkut. O jovem trio não deixa o Petrolina nem nos treinos, seja no estádio Paulo Coelho ou em qualquer outro local da cidade. Seja sob o sol do Sertão, ou até sob chuva, como conferiu o JC.
Amor e Abnegação. Jornal do Commercio. Recife, 02 jan. 2011. ano 93, n. 02. caderno maisEsportes . p. ?

3 comentários:

  1. Dá uma alegria quando abro a parte de esporte do jonal e vejo uma materia do mequinha!!!!

    ResponderExcluir
  2. O blog do Mequinha é sem via de duvidas o melhor blog pernambucano esportivo, eu sempre falo que é impossivel estar na net sem ir ao blog do mequinha. Os rapaziada do blog esta de parabens.

    ResponderExcluir
  3. Ricardo,

    Obrigado pelos elogios. O que vocês aqui comentam a respeito do América é muito importante para nós.

    Forte abraço.

    ResponderExcluir