terça-feira, 12 de abril de 2011

Uma verdadeira paixão pernambucana

Não há palavras para descrever a sensação comemorar a partir da meia noite do dia 12 de Abril os 97 anos do América Futebol Clube. O sonho daqueles garotos, reunidos na rua João de Barros, talvez, levando a atitude apenas como uma diversão jamais poderiam prever que o AMERICA seria este clube tão amado por todos do estado. Só que ele só se tornou o que é por conta daqueles incansáveis que verdadeiramente amam este clube quase centenário, que jamais o abandonou nos piores anos de sua existência, quando para muitos esta instituição quase centenária não existisse. São verdadeiros heróis aqueles que nunca se omitiram e sempre trabalharam para que o amado Campeão do Centenário se desenvolvesse constantemente, chegando cada vez mais no topo e conquistando cada vez mais apaixonados pelas cores verde e branca. E foi com todo este amor e espírito de luta centenas de esmeraldinos puderam enfim festejar de maneira ímpar e inesquecível o retorno épico do Periquito novamente a divisão de elite na divisão do nosso estadual Infelizmente, eu não estava lá de corpo presente... mas pude acompanhar a quase todos os momentos e posso dizer que foi uma das maiores emoções da minha vida, incomparável apenas do sentimento que senti do nascimento da minha herdeira, mesmo assim, a emoção foi demais. E a família esmeraldina se reuniu no mesmo lugar em que aqueles mesmos jovens esmeraldinos mais tarde se reuniam para comemorar as nossas vitórias: na Estrada do Arraial. Neste dia, gritos de alegria ecoaram por toda Casa Amarela. A sede, símbolo maior do América, mesmo fechada, foi pintada de verde e branco. Bandeiras, camisas, e, principalmente, garotos, com aquela mesma gana de vitória daqueles jovens de 1914... Para nós, o que importa hoje é que, mesmos na dificuldade, estamos aqui para celebrar os 97 anos desta instituição ímpar no futebol nacional. Somos o primeiro time a conquistar um campeonato nordestino e fomos a mola propulsora do que é hoje a Federação Pernambucana de Futebol, sendo o glorioso Alviverde da Estrada do Arraial um dos sócio-fundadores. Possuímos seis honrosos títulos estaduais, nove vices, além de onze torneios inícios. Trajaram este manto esmeraldino atletas como Zé Tasso, Julinho, Vavá, Jorge Tasso, Edgar, Oséas, Zezinho, Lessa... e porque não falar de Mousinho, David, Carioca, Gleibson, Jonatha, Lucio, Muller e tantos outros que demonstraram garra ao trazer de volta ao lugar de direito do América, que é e sempre será na primeira divisão do nosso futebol. Juntamente a estes guerreiros, posso também citar o nome de grandes treinadores como o gaucho Alvaro Barbosa, autor do nosso ultimo titulo estadual, o argentino Dante Bianchi, o (velho) Nereu Pinheiro e recentemente nosso atual comandante Paulo Junior, que explodiu no America na Serie A2 do estadual, nosso último grande treinador que sabe representar e honrar este senhor América, quase centenário. Todavia, mesmo diante desta grande história, temos ciência de que ainda é pouco. O "o canto do periquito”, para mim, se dá ali, no terceiro e quarto verso, do hino composto por Mario Filho: "Tens o verde da Esperança, e o branco da paz". Desde então, o América não é só o jogador que veste o manto. É ele também, mas também sou eu que aqui tento realizar esta singela homenagem, dos funcionários que o tratam como um ente querido, dos antigos torcedores, que foram o caule desta resistência alviverde, dos novos torcedores, que estão fazendo brotar o sentimento de amor ao América e até você, que ama as cores de outro time, mas tem um carinho especial pelo América Futebol Clube. O América Futebol Clube é mais do que um clube de futebol, é uma tradição que não se acaba, e por mais fraco que possa aparentar, ele renasce mais forte e rejuvenescido, como a 97 anos atrás... nas mãos de Manuel da Silva Costa, José Bastos, Rodofo e Antonio Aureliano, Elicano Pires, Demócrito Tasso de Souza, Antonio Hermenildo e a garota Noemia Boa Viagem. Feliz aniversário, amado America Futebol Clube. Parabéns ao América e aos americanos pelos 97 anos de história.

8 comentários:

  1. já contei aqui minha história com o américa.. foi naquela sede verde-branca da estrada do arraial que brinquei meus melhores carnavais e de onde passei a admirar a tradição americana quando ia à sede com meu pai, então diretor do américa, apesar de torcedor do sport.. o tempo em que ele permanecia nas reuniões, eu admirava os troféus americanos, conversava com outros filhos de associados, jogava bilhar, curtia mesmo aquela sede.. e continuava aumentando o amor pelo que era na época meu segundo clube.. há algum tempo atrás, larguei de vez a tradição de torcer pelo sport e voltei ao time do coração.. em futebol não tem essa de a gente torcer por dois clubes.. é complicado.. e optei, com muito gosto, pelo verdão ! viva o mequinha.. parabéns americanos pelos nossos 97 anos de glória !!

    ResponderExcluir
  2. Lindo texto Washington,
    reflete o sentimento de todos os Esmeraldino apaixonados por este clube quase centenário.

    ResponderExcluir
  3. parceria,
    http://blogaofutebolpernambucano.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. RUMO AO CENTENÁRIO EM 2014.
    E SE DEUS QUISER , NA PRIMEIRONA.

    EM 2014 ESPERO QUE O MEQUINHA SEJA BI-CAMPEÃO DO CENTENÁRIO. O PRIMEIRO FOI O DA INDEPENDENCIA , E O SEGUNDO DO SEU PRÓPRIO CENTENÁRIO.

    ResponderExcluir
  5. Valeu América, rumo ao centenário do campeão do centenário

    ResponderExcluir
  6. Parabens America 97 anos repleto de glorias.

    ResponderExcluir
  7. Elvimário Araujo Júnior12 de abril de 2011 22:16

    Parabéns a todos que fazem o América. Torço para que continuem na 1° divisão, este deve ser o melhor presente
    Saudações Corais.

    ResponderExcluir
  8. VAMOS NOS SEGURAR,POIS COM ISTO,EM 2012 VIRÃO NOVOS INVESTIMENTOS,E COM CERTEZA,JOGAREMOS COM OS PODEROSOS DAQUI DE IGUAL PRA IGUAL,E QUEM SABE NÃO ENTRAREMOS NUMA SERIE D.
    PARABÉNS A TODOS OS ALVIVERDES PELOS 97 ANOS DO NOSSO CLUBE.
    DE MARCÃO-VILA RICA-

    ResponderExcluir