sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Os donos da camisa 10 alviverde

E o Blog do Mequinha segue apresentando os atletas que irão representar o Campeão do Centenário na temporada 2012. Numa posição intermediária entre o volantes e o ataque, encontram-se os meio-campistas, que terão a responsabilidade de se dividir entre criação e ataque com mais efetividade, uma vez que atuam mais próximos aos atacantes. Também costumam receber a camisa 10, ou seja, o lugar dos craques. Nesta posição, o América estará bem representado com Dunga, David Dener, Rosivaldo e Danilo Reis. Dunga, de 23 anos, é uma antiga promessa do futebol estadual, um meia atacante que também sabe jogar de volante. Nos últimos anos, apresentou regularidade defendendo as equipes intermediarias do sertão pernambucano, com Salgueiro, Araripina e Pesqueira. Já foi artilheiro, logo, tem muita chegada na frente. E embora tenha pouca estatura, tem boa força e resistência, bons passes e finalização. Rosivaldo é um meia atacante experiente, que ao longo da carreira foi recuando, até se tornar um meia mais articulador... Apesar dos seus 34 anos, conhece bem os atalhos dentro das quatro linhas como ninguém, possuindo uma ótima visão de jogo, posicionamento e boa técnica. Sabe carregar bem a bola e cadencia o jogo. Com 24 anos e com passagens pelo futebol português, catarinense e capixaba, Dener é o meia mais explosivo dentre os quatro do elenco esmeraldino. Chuta forte, e cai muito bem pelas pontas, em velocidade. É o tipo de jogador que origina muitas jogadas de bola parada pra equipe, se deixar, chega até a quina da área, corta pra dentro e chuta ao gol ou realiza cruzamentos eficientes. E por ultimo Danilo Reis, de 20 anos é uma das principais promessas do América para o PE’2012, e não somente pelo seu DNA que traz em sua árvore genealógica o craque Juninho Pernambucano como tio, mas sim pelo o que vem demonstrando dentro de campo. No Campeonato de Juniores deste ano, foi um dos destaques do Mequinha, ao lado também dos atacantes Jonatha e Marquinhos. Antes de chegar ao alviverde da Estrada do Arraial, já teve passagem como profissional no Bacabal do Maranhão, disputando o Campeonato Maranhense.

Um comentário:

  1. Temos tudo para fazer um ótimo campeonato, temos excelentes homens de criação , basta eles jogarem em ritmo de um futebol alegre e fazer jogadas e lançamentos perfeitos para os nossos atacantes agradecerem e correrem para o abraço. EU ACREDITO ! E VOCE ?

    ResponderExcluir