quarta-feira, 21 de agosto de 2013

O primeiro tropeço



O que se viu nesta noite de hoje no glorioso estádio Eugênio de Araújo, mais conhecido como Olindão e símbolo do desporto do bairro de Jardim Brasil 1, foi um jogo em que uma das equipes foi penalizada pela falta de capacidade de concretização do gol quando o mesmo é quase que inevitável.

A equipe laranja-azulina conseguiu achar um gol de falta com Josi, logo nos primeiros minutos da partida através de uma boa cobrança de falta de longa distância que infelizmente o arqueiro esmeraldino Dida não foi apto para realizar o desvio e o Olinda acabou abrindo o score a seu favor.

A equipe do América comandada pelo sempre perigoso Branquinho, armou as principais jogadas a partir deste instante e teve ainda no primeiro tempo duas chances claras de gol, daquelas que deixam o torcedor pensando que até a vovó fazia. Infelizmente, para o torcedor do quase centenário clube da Estrada do Arraial os atacantes muito pecaram na hora do arremate final para o gol do guarda-metas olindense e a máxima do futebol prevaleceu... quem não faz leva!

Entretanto, o América ainda no primeiro tempo por meio de uma cobrança de escanteio que achou a cabeça certeira de Isac, empatou a partida, levantando o torcedor esmeraldino nas arquibancadas do Olindão e fazendo baixar um pouco a euforia dos donos da casa,  que era intensa.

No segundo tempo a arbitragem se equivocou em vários momentos da partida e de repente numa bobeira do setor defensivo e principalmente do goleiro Dida que não estava numa noite inspirada. O Olinda marcou o segundo tento através de Jaime, em um lance esquisito pois suspeitava-se que Dida fosse interceptar a bola com facilidade, coisa que não ocorreu. Paciência.

A equipe esmeraldina correu atrás do placar mas não conseguiu superar uma forte e eficaz marcação da equipe da terra do carnaval, que fez o América errar na hora do arremate final e acabou por conseguir o resultado positivo que lhe era desejado. 

Fica então os votos de que o próximo embate o América corrija suas falhas e venha a pontuar no campeonato, o que é de suma importância nessa caminhada rumo a Serie A1 no ano de seu centenário.

VAMOS SUBIR MEQUINHA !

3 comentários:

  1. AH CARA,ACHEI INJUSTO VIU,PRECISA QUE ALGUÉM TRIANGULE COM O BRANQUINHO.

    ResponderExcluir
  2. Bem, primeira derrota já e hora da equipe técnica pensar em outras pesas que possam ser substituida ao logo da partida.

    ResponderExcluir
  3. O velho ditado do Futebol: "quem não faz LEVA".

    Quando cheguei já estava 1x0 para o Olinda, e segundo Washington havia me falado pelo face, o Olinda tinha feito ainda um gol que o juiz anulou alegando impedimento.
    Quando cheguei vi o América aos poucos crescer no jogo, ao ponto de criar 3 contra-ataques mortais, sendo que 2 deles cara a cara com o goleiro e infelizmente foram desperdiçados. Aquele velho problema da finalização que ocorre em vários clubes do país e no nosso não é diferente, ao contrário já conhecemos bem, e parece que voltou a nos assombrar. Mas é cedo ainda para soltar críticas, acho que Humberto ao ver isso deverá trabalhar os atacantes a respeito da finalização.
    No 2º tempo só deu América, apesar de no ínicio da Segunda etapa o Olinda esboçou uma pressão, e toda bola cruzada na area do América era um verdadeiro "De acuda" o goleiro mostra total insegurança, não sai do gol, fica lá acompanhado o cabeceio do jogador adversário... Assim fica complicado...
    Em um desses lances, o Olinda teve uma falta que foi cobrada e ocorreu o segundo gol do Olinda. Não estavamos próximos da barra onde o Olinda atacava portanto não sei dizer se o gol que o Olinda fez foi um frangaço de Dida (bem provável), pois ele chegou a pegar na bola, mas o juiz alegou gol do Olinda. Perder dessa forma é que dói mais, principalmente quando após esse gol, só deu América até o fim do jogo. Um verdadeiro bombardeio esmeraldino, mas sempre pecando na finalização. Vejo Branquinho nesse time como um armador de jogadas, visto que para um time jovem ele já tem uma boa experiência, apesar de ser muito marcado ontem e segurava muito a bola em algumas jogadas, mas fez uma boa atuação. Esperar domingo agora contra o Ferroviário do Cabo que acertemos na finalização.

    ResponderExcluir