quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Marca do tempo: América iguala o feito do Sport

Americanos campeões do Campeonato Pernambucano de 1919 


Por LENIVALDO ARAGÃO*

Em 1919, o clima estava tranquilo no futebol pernambucano, e o campeonato foi disputado no segundo semestre, sem maiores transtornos. Houve um único turno e a presença de oito equipes, tendo como novidade o Varzeano Futebol Clube, do bairro da Várzea. Aliás, em sinal de protesto contra a arbitragem, o clube novato abandonou o campo num jogo em que estava perdendo para o Náutico por 2 x 1. O Varzeano teve um gol anulado e não aceitou a marcação do árbitro. A Liga Sportiva Pernambucana considerou o placar do momento em que a partida foi suspensa. Ou seja, Náutico 2 x América 1.
´
Campeão do ano anterior, o América sagrou-se bicampeão pernambucano, igualando o feito do Sport, ao golear o Torre por 5 x 0, no dia 23 de novembro de 1919. Jogo realizado no campo da Avenida Malaquias, do Sport, com arbitragem do Dr. João Lacerda. Perez I foi a grande figura da decisão ao assinalar quatro gols. Zé Tasso completou a goleada.

AMÉRICA (bicampeão): Salgado, Alexi e Ayres; Rômulo, Bermudes e Soares; Perez II, Salermo, Zé Tasso, Perez I e Lapa.
TORRE: P. Ramos; Arthur e Romeu; Austragésilo, Roxura e Paulino; Arlindo, Osvaldo, Alemão, Hermógenes e A. Lins.

A campanha do novo bicampeão pernambucano foi esta:
América 5 x 2 Santa Cruz
América 2 x 1 Flamengo
América 4 x 0 Peres
América 0 x 2 Sport
América 2 x 0 Náutico
América 6 x 1 Varzeano
América 5 x 0 Torre

Em 7 jogos, 6 vitórias e 1 derrota, esta para o Sport.

__

* Lenivaldo Aragão é jornalista esportivo em Pernambuco e trabalhou em vários jornais, rádios e revistas do Recife e do Sul do País: Jornal do Commercio, Diário de Pernambuco, Diário da Noite, rádios Clube e Olinda, Placar, O Estado de São Paulo, Jornal da Tarde, Jornal do Brasil, Jornal dos Sports e Tabloide Esportivo. Atualmente edita a revista Clássico.COM.

0 comentários:

Postar um comentário