quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

A quinta decisão: Sem espaços para vacilos



Em ritmo de carnaval, vamos para mais um decisivo no Hexagonal da Permanência, partidas essas que valem muito para um futuro menos cruel.  Mesmo com o ritmo frenético de festas, blocos, troças e bailes, o momento é tenso, e a noite tem tudo pra garantir ares dramáticos durante os 90 minutos.

Contra o Chã Grande, o América tentará conquistar sua segunda vitória dentro de casa, três pontos que não são garantidos a duas rodadas, coincidentemente, o mesmo período do Chã Grande, que encontra-se na terceira colocação, com seis pontos, um a mais que o time da Estrada do Arraial.

Se depender do jogo contra o Serra Talhada, não teremos a zaga modificada pelo técnico João Carlos, a não ser que seja por motivos de cartão ou suspensão automática. No meio-campo, dúvida entre Dieguinho e Everaldo ao lado de Kassio, recuperado de lesão. Quanto ao ataque, setor crônico esmeraldino, deverá repetir a formação com Phillip e Saulo.  

Formação a parte, esperamos que o time que entre termine o jogo com vitória. Chegamos a metade do caminho neste Hexagonal da Permanência e vacilos como contra o Pesqueira realizados na ultima quarta-feira poderão culminar o nosso fracasso.

0 comentários:

Postar um comentário