segunda-feira, 5 de maio de 2014

SUB-20 classificado e líder, mesmo com o empate


E no segundo duelo do Clássico da Amizade, o América acabou empatando a contragosto contra o Santa Cruz nos Aflitos. Estando a frente a todo tempo no placar, o time liderado pelo técnico Valter Mendes teve que se desdobrar pra vencer apenas os 11 tricolores que estavam em campo, mas também o fraco trio de arbitragem e o  forte calor que assolava a manhã de domingo. Menos mal que, já classificado em virtude da vitória do Acadêmia Vitória contra o Vera Cruz, no dia anterior, mesmo com o empate, o time alviverde conseguiu não apenas a manutenção da liderança como a manutenção de sua invencibilidade.

A busca pelos três pontos iniciaram logo no inicio do primeiro tempo. No primeiro ataque esmeraldino o atacante Romarinho não perdeu tempo e abriu logo o placar para o América, logo aos 4 minutos de partida. Com o América buscando o ataque a todo instante e aproveitando de falhas defensivas do time coral, Jackson ampliou o placar novamente, desta vez aos 26 minutos. O Santa Cruz diminuiu com Arlan, aos 32 e, já nos acréscimos, o árbitro Wagner Cabral assinalou pênalti aos 47 minutos, já nos acréscimos, convertido em gol por Jair.

Romarinho abriu o contador aos 4 minutos | Foto: Washington Vaz

No segundo tempo, as duas equipes diminuíram consideravelmente o ritmo de jogo devido ao forte calor em plena 10 horas, obrigando a arbitragem conceder uma parada técnica de 5 minutos para hidratação dos atletas. Já no final do tempo complementar, Everaldo avançou na intermediária para cima de dois defensores, sofrendo falta na entrada da grande área. Aos 34 minutos, o meia-atacante esmeraldino converteu a penalidade em gol, dando a impressão de que o América sairia novamente vencedor, mas novamente nos acréscimos e em jogada de bola parada, o Santa Cruz voltou a empatar a partida, desta vez em cobrança de falta de Williams, aos 47 minutos.

Jackson foi o autor do segundo tento do América | Foto: Washington Vaz

Com as duas equipes demonstrando um futebol ofensivo, o destaque negativo ficou por conta da arbitragem, totalmente abaixo do esperado, com os assistentes aplicando impedimentos de maneiras equivocadas ou não realizando quando deveria. O árbitro Wagner Cabral também esteve bastante irregular, acompanhando a partida distante de lances capitais, como nas duas marcações dos penais, causando raiva dos que estiveram presente nos Aflitos.

Mesmo com empate, o América permanece na liderança, com oito pontos, já o Santa Cruz está no terceiro lugar, com cinco. Na próxima rodada, o Santa Cruz visita o Vitória e o América pega o Vera Cruz.

Comemoração de Everaldo, no terceiro gol alviverde | Foto: Washington Vaz

0 comentários:

Postar um comentário