quarta-feira, 2 de julho de 2014

MEMÓRIAS ESMERALDINAS: Comercial 0x1 América em junho de 1981

Nasciam em 1981 o goleiro argentino Wilfredo Caballero (campeão da Taça Libertadores da América em 2003 com o Boca Juniors e atualmente no Málaga/ESP), o jogador de basquete espanhol José Calderón (medalha de prata nas Olimpíadas de Londres em 2012 e atleta do Dallas Mavericks/EUA), a atriz Bruna Di Tullio (atriz na novela “Como Uma Onda” de 2004 e no filme “O Mistério da Estrada de Sintra” de 2007), o jogador de vôlei russo Sergey Baranov (medalha de bronze nas Olimpíadas de 2004 em Atenas), o ator inglês Ben Barnes (ator em filmes como “As Crônicas de Nárnia: Príncipe Caspian” de 2008 e “O Retrato de Dorian Gray” de 2009), o goleiro inglês Stephen Bywater (atleta do Millwall Foot Ball Club da Inglaterra), o meio campista francês Gael Danic (revelado pelo Rennes em 1999 e atualmente no Lyon), o jogador búlgaro Dimitar Berbatov (campeão inglês em 2011 com o Manchester United), o jogador caruaruense Jaílson (com passagem pelo Santa Cruz em 2002 e pelo Sport em 2006 e atualmente no Treze/PB) e o atleta Rodrigo Pontes (com passagem pelo Náutico em 2010). Foi o ano de falecimento do ex-jogador de futebol sueco Sven Anderson (defendeu a Seleção da Suécia na Copa de 1934), o ator polonês Ross Martin (ator na série “Cidade Nua” de 1958 e no filme “Escravas do Medo” de 1962) e o ex-jogador italiano Eraldo Monzeglio (campeão da Copa de 1938 defendendo a Seleção Italiana).

Ilustração de Comercial x América em junho de 1981 no Estádio Pereirão
em Serra Talhada pelo campeonato pernambucano
Domingo, 07 de junho de 1981 houve a sétima rodada da primeira fase do primeiro turno do campeonato pernambucano de futebol, com a realização de cinco partidas, dentre as quais, o confronto entre o Comercial de Serra Talhada e o América do Recife no Estádio Nildo Pereira de Menezes (Pereirão). Faltando três rodadas para o término da fase, que classificaria quatro equipes para a fase seguinte, o América figurava na quinta colocação com sete pontos ganhos, dois a menos do que o Comercial de Serra Talhada, que aparecia na sexta colocação. Apenas um ponto separava o “Mequinha” da zona de classificação e a vitória poderia colocar de forma provisória, a equipe na disputa do título, além do mais, o Comercial, do treinador Zequinha, era concorrente direto do América, quanto à mesma vaga.

Diário de Pernambuco de 08/06/1981 destacando
os resultados da rodada
O América, do treinador argentino Dante Bianchi, vinha animado depois de um empate em um gol para cada lado, contra o Sport no Estádio Adelmar da Costa Carvalho (Ilha do Retiro), enquanto que os sertanejos, vinham de uma derrota para o Santa Cruz por um gol a zero, no Estádio José do Rego Maciel (Arruda). No primeiro tempo as duas equipes apresentaram um bom futebol, com boas oportunidades de gol surgindo em ambos os lados, tendo o alviverde da Estrada do Arraial, enfrentado mais dois adversários, que foram a pressão da torcida do alvirrubro serratalhadense, bem como, o terreno duro e com escassez de grama em alguns locais. O único gol da partida aconteceu aos 24 minutos do segundo tempo através de uma grande jogada do meio campista Williams, que chutou forte contra o gol do goleiro Rudimar do Comercial, que não conseguiu desviá-la. É GOL DO AMÉRICA! COMERCIAL 0X1 AMÉRICA. O gol sofrido fez com que o treinador do Comercial Esporte Clube promovesse a entrada de Lanzoninho no lugar de Serginho no ataque do time da Capital do Xaxado, mas que de nada adiantou. Após o tempo regulamentar o árbitro Armindo Tavares encerrou a partida com uma grande vitória do América em terreno inimigo, o que dava uma grande esperança à equipe com relação à classificação para a segunda fase, além do fato de que Bianchi continuava invicto no comando do “The Green Team”.

Nota de destaque do Diário de Pernambuco sobre a vitória alviverde
Nos outros jogos da rodada, o Santa Cruz empatou em 0x0 com o Náutico jogando no Estádio do Arruda, o mesmo placar de Central x Sport que se enfrentaram em Caruaru e de Santo Amaro x Atlético Caruaru que se enfrentaram no Estádio dos Aflitos. Os gols que faltaram nestas partidas sobraram na goleada de 7x0 do Ferroviário do Recife em cima do Íbis, assistida por apenas treze pessoas na Ilha do Retiro. Os 9.725 torcedores presentes ao Estádio Nildo Pereira de Menezes em Serra Talhada proporcionaram uma renda financeira de 1.075.000 cruzeiros e as equipes desta partida estavam escaladas da seguinte forma:





COMERCIAL DE SERRA TALHADA:
Rudimar;
Emerson, Surrão, Williams e Toinho;
Gula, Mimi e Bria;
Serginho, Marcílio e Icinho

AMÉRICA DO RECIFE:
Batista;
Gonçalves, Nilo, Geraílton e Escada;
Williams, Rivaldo e Pedrinho;

Valdir, Agnaldo e Régis

0 comentários:

Postar um comentário