quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Nem tudo são flores!!


Esta frase me foi dita por um amigo, treinador de futebol, que tem experiência em trabalho com jovens atletas.


Na última segunda-feira acompanhei o programa Fórum Esportivo da Rádio Jornal, o tema do programa foi o trabalho de base nos clubes pernambucanos, com direito a participação de representantes do Sport, Náutico e Santa Cruz.

Todos apontaram que a saída para os clubes pernambucanos vem da base, seja para conquistar títulos ou " ganhar" dinheiro. Um trabalho árduo, cansativo e com retorno a longo prazo....

Existe alguns itens que são determinantes para o sucesso deste projeto, são eles, existência de campo de treinamento,material de treino, apoio financeiro (passagem, ajuda de custo, lanche, refeição), acompanhamento médico-odontológico, bons treinadores e ...muita fiscalização!!

O Porto, clube pernambucano que tem o melhor aproveitamento no quesito: revelar jogador, sofreu um golpe a pouco tempo, perdeu um atleta para um clube inglês!!!

Mesmo tendo um certificado de Clube Formador!!!

O problema é o seguinte ( relatado por amigo treinador, responsável por " Peneira"): todo dia chega, aos clubes, jovens promessas, que tem habilidade, porém, precisam trabalhar a parte fisíca e técnica.

Muitos chegam com "procuradores" ou empresários, vão participando de treinos, de partidas até chegarem a ser filiados.


Na prática trata-se dum um processo longo, os clubes (Sport, Náutico e Santa Cruz) não dispõe de recursos financeiros suficientes para atender a todos, mesmo pagando uma ajuda de custo baixa.

Isto leva ao surgimento de "atletas" desgostosos e com muitas exigências, iludidos por falsa promessas abandonam o clube ou fazem corpo mole!!

O futuro continua na base...porém... nem tudo são flores!!!

O América está no caminho certo, vai levar muita porrada,mas, vai colher bons frutos!!!

0 comentários:

Postar um comentário