quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Adeus hexagonal do título



A derrota para o Serra Talhada sacramentou o fim das chances do América chegar ao hexagonal do título.

O placar do jogo de ida se repetiu e as propostas táticas foram as mesmas também. No primeiro tempo o Serra Talhada partiu para sufocar o América. Mesmo assim, foi o Alviverde quem teve a primeira chance da partida com Carlinhos Bala. Depois os donos da casa conseguiram uma penalidade e abriram o placar. Daí para frente só deu Serra.

No segundo tempo o cenário foi parecido. O Serra esteve o tempo todo melhor em campo e mais organizado. O América tentou ficar mais ofensivo partindo para o tudo ou nada, abriu mão de jogadores de marcação para tentar fazer uma pressão ofensiva. Acabou se expondo ao contra ataque e aos 35' Pedro Maycon decretou o placar final do jogo.

Para o América as esperanças de chegar à fase de disputa do título está acabada. Os outros resultados por si só já reduziriam as chances Alviverdes. Segundo ano tentando e novamente as coisas deram erradas. 

A parte da diretoria pode até se dizer que foi feita... salários em dia, premiações em dia, local para trabalho... condições melhores até do que as encontradas pelo próprio Serra Talhada, que passa por enormes dificuldades fora de campo para manter o time. Houveram erros na contratação de jogadores e na montagem do time? É relativo. Muitos jogadores não vieram por conta da diretoria, mas por indicações da comissão técnica anterior e foram dispensados também com o aval da comissão técnica. Jogadores não tiveram compromissos com o seu empregador? Também é relativo. Nitidamente alguns se esforçam muito e outros praticamente assistem.

As reflexões precisam começar urgente, pois o campeonato não acabou e ainda tem coisas muito importantes a serem disputadas, como a permanência. Mas o ideal é que elas sejam feitas com calma, frieza e inteligência.

Agora é hora de levantar a cabeça e quem for homem de verdade terá que se esforçar mais ainda.


3 comentários:

  1. Lamentavelmente, foi para o saco o sonho de jogar a Série D. agora é tentar reorganizar ainda nessas rodadas finais para conseguir chegar melhor na fase para garantir a permanência na Série A1.

    ResponderExcluir
  2. Só me preocupo do que será feito pra evitar o rebaixamento. Bala terá motivação pra disputar o Hexagonal da Permanência? E Mauro e Gaibu? Terão também a mesma motivação?

    ResponderExcluir
  3. E complicado um time com salários em dia e condições para treinar! Agora vamos pensar na permanência na A1 como falou o Jefferson com muita calma!

    ResponderExcluir