sábado, 5 de março de 2016

Vitória na superação

Tainá Paixão foi uma das destaques do time alviverde | Foto: Robson Neves


Foi no sufoco e na superação. Quem foi ao Colégio Salesiano esperando por uma partida fácil contra o lanterna da LBF, viu uma partida dramática e com várias reviravoltas. 

Sem poder contar com várias jogadoras vítimas de uma virose e lesão, entre alas a armadora Adrianinha, a ala/pivô Jennifer Lacy e a pivô Kelly, o técnico Dornelas teve que contar com sua base para entrar em quadra. E depois de um primeiro tempo tranquilo, as ausências destas jogadoras fizeram falta no segundo tempo. 

Depois de fechar a primeira etapa da partida vencendo as paulistas por 45x27, parciais de 22×11 e 23×16, o Presidente Venceslau voltou a quadra e conseguiu levar a partida para prorrogação, empatando no tempo normal em 63x63. Os últimos dois quartos do a equipe paulista surpreendeu as alviverdes, vencendo por 12×20 e 6×16, fazendo com que o América sofresse a primeira prorrogação de sua história.

Na prorrogação, o UNINASSAU/América voltou mais calmo para a partida e, diferentemente dos últimos dois quartos, conseguiu aproveitar as chances criadas e bateu as venceslauenses por 68x65.

Líder dentro de quadra, a pivô Erika Souza foi o destaque da partida, sendo a cestinha do jogo com 20 pontos, além de 15 rebotes. O resultado deixou o América sozinho na vice-liderança, com 12 vitórias em 15 jogos. O time segue na cola do líder Corinthians/Americana. Tainá Paixão também fez grande partida individual, computando 3 assistências durante a partida.

As duas equipes voltam a quadra neste domingo, novamente no Colégio Salesiano. Os ingressos estarão sendo vendidos no local ao valor de R$ 5 (meia) e R$ 10 (inteira) nas bilheterias do Centro Esportivo Salesiano Recife.

Equipes voltam a quadra neste domingo (06), às 10 horas. 

0 comentários:

Postar um comentário