segunda-feira, 26 de junho de 2017

AMÉRICA 1X1 GUARANI DE JUAZEIRO/CE: O EMPATE DA DESPEDIDA

O América entrou em campo neste domingo contra o Guarani de Juazeiro do Norte/CE no Estádio Ademir Cunha em Paulista pensando na classificação à segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D. A situação esmeraldina era difícil, mas, não impossível. Além de vencer o time cearense, o América tinha que torcer para que houvesse vencedor no confronto Globo/RN x Parnahyba/PI e ainda superar o perdedor deste confronto no saldo de gols, portanto, seria necessário golear.
Equipes perfiladas para a execução do hino nacional
            O jogo começou às 18h sob a arbitragem de Leandro Cunha de Oliveira da federação de Tocantins e o Guarani, que precisava de um milagre para se classificar, deixou claro desde o início que jogaria sério. A primeira boa chance de gol do jogo foi rubro-negra aos 4 minutos e a bola passou por cima das traves do goleiro Rubens. Um minuto depois, o América deu a resposta através de um chute forte do meia Gláuber, mas, a bola passou à esquerda do goleiro do time sertanejo.
            Precisando do resultado, o time da Estrada do Arraial partiu para cima e aos 21 minutos, o colombiano Miguel Moreno cruzou pela direita e Flávio Caça-Rato, de carrinho, chegou atrasado perdendo um gol incrível. Aos 32 minutos foi a vez do meia Índio chutar com perigo à direita do goleiro leonino. Miguel Moreno cobrou falta aos 40 minutos e após rebote da defesa cearense, o lateral Joshua bateu por cima do gol. A insistência deu resultado aos 46 minutos, quando o meia Índio atacou pela esquerda e de longa distância acertou o canto superior esquerdo do goleiro adversário e abriu o marcador para o alviverde. América 1x0 Guarani.
América x Guarani de Juazeiro pela Série D 2017
            O segundo tempo começou com ambas as equipes acesas, mas, sem lances de exacerbado perigo de gol. Em Ceará-Mirim/RN, o Globo estava vencendo o Parnahyba por 2x0, o que levava o América a ter que fazer mais três gols para avançar. Aos 12 minutos, o colombiano Miguel Moreno saiu e deu lugar ao atleta Rômulo. O Guarani de Juazeiro melhorou na partida e aos 23 minutos, depois de uma falta bem cobrada, acertou a trave do goleiro americano, assustando a torcida alviverde. O treinador Emílio Cugnier optou por sacar o meia Thomas e colocar em campo o atleta Mateus. O Guarani jogava bem, porém, aos 36 minutos o lateral Joshua do América perdeu grande chance ao bater por cima das traves adversárias. As chances de classificação foram por água a baixo quando aos 38 minutos, o atleta Leílson marcou o gol de empate dos sertanejos. América 1x1 Guarani. Aos 41 minutos, o jogador alviverde Wallacy saiu para dar lugar ao meia Danyel. O último lance de gol do jogo saiu dos pés do jogador Tiago Bagagem, contudo, a pelota saiu à direita da meta.
Poderíamos ter ido mais longe
            O resultado eliminou o América da Série D, que terminou em 3° lugar no grupo com 7 pontos ganhos e à frente do Guarani de Juazeiro do Norte, que também deu adeus à competição. No geral, o América ficou em 46° lugar entre 68 participantes. Fica a ideia de que todos que fizeram parte desta campanha deram o seu máximo e que a desclassificação veio por detalhes que são inerentes ao jogo de futebol. Como verde é a cor da esperança, nasce agora a esperança de uma boa participação no Campeonato Pernambucano de 2018.

            O América teve a seguinte escalação: Rubens; Joshua, Algodão, Junior Gaúcho e Wallacy (Daniel); Gláuber, Thomas (Mateus), Índio e Tiago Bagagem; Flávio Caça-Rato e Miguel Moreno (Rômulo). Treinador: Emílio Cugnier.

sexta-feira, 23 de junho de 2017

AMÉRICA SEGUE TRABALHANDO

Apesar da derrota do último domingo o elenco do América continua trabalhando para vencer o Guarani de Juazeiro no fechamento da 6 rodada da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série D 2017. O resultado adverso foi ruim para as pretensões do Alviverde que precisa vencer o Guarani e torcer por uma combinação de resultados.
Independente desta combinação o trabalho prosseguiu esta semana no Ademir Cunha, tanto o treinador como os atletas, só tem um pensamento, vencer o jogo de domingo.

De acordo com Emílio Cugnier, técnico do América, "devemos pensar positivamente, existe uma possibilidade e vamos lutar por ela. O time vai atacar o Guarani, respeitando o adversário, pois só interessa a vitória."

O time vai ter o retorno de Júnior Gaúcho e provavelmente de Wallace, na zaga e lateral esquerda. com a possibilidade de algumas mudanças na linha de frente.

A partida será realizada neste domingo as 18 horas, ingressos a 10 Reais ( Preço único).

A equipe de arbitragem já foi definida, teremos Leandro Cunha de Oliveira - TO como árbitro principal , seus auxiliares serão Ricardo Chianca, Fernando Júnior e Ricardo Jorge, todos de Pernambuco.


quarta-feira, 21 de junho de 2017

AMÉRICA PERDE EM PARNAÍBA

O América entrou em campo com uma postura mais defensiva, dando espaço para o adversário objetivando sair no contra-ataque, uma proposta que sofreu um abalo logo no início do jogo quando o meia atacante Anderson Felipe teve que ser substituído por ter sentido uma contusão. 


De maneira em geral o primeiro tempo foi pouco produtivo a equipe local pressionava o time pernambucano, porém com pouca objetividade. O time alviverde se limitou mais a defender tendo poucas chances de chegar na frente do gol.

No segundo tempo a equipe do Parnaíba voltou melhor pressionando a saída de bola do Mequinha e não dando espaço. O primeiro gol surgiu aos 13 minutos com um chutaço de fora da área do camisa 11 Fabinho. O segundo gol, anotado por Tininho, foi conseguido pouco minutos depois. Com o placar adverso o time pernambucano procurou sair mais para o jogo, porém, não teve forças para reverter o placar.

O Parnahyba segue na liderança da chave com nove pontos, mesma pontuação do Globo, mas à frente por ter melhor saldo. O Tubarão encara o rival potiguar no domingo, na rodada de encerramento da primeira fase, às 18h, no estádio Barretão, em Ceará-Mirim, no Rio Grande do Norte.

O América enfrenta no próximo domingo a equipe do Guarani de Juazeiro tendo a obrigação de vencer a partida por uma boa margem de gols e torcer por um vencedor na partida entre Globo x Parnaíba.

CORTESIA DO ENVIADO ESPECIAL DO BLOG A PARNAÍBA

domingo, 18 de junho de 2017

MARATONA !!!

Resultado de imagem para logomarca da serie d 2017
Durante muitos anos acalentamos o sonho de ver o América disputando uma competição nacional, graças a Deus, isto aconteceu nos últimos 2 anos. Estamos disputando a Série D.
Participar desta competição é um verdadeiro teste de sobrevivência onde fatores fatores físicos, mentais e habilidades são testados até a exaustão.


A logística da competição não facilita a vida dos clubes,neste domingo o Alviverde joga na cidade de Parnayba, cidade que fica localizada a mais de 300 km da cidade de Teresina, capital do Piauí.

A CBF - Confederação Brasileira de Futebol oferece ao clube visitante 25 passagens aéreas , com as respectivas hospedagens, no caso 2 diárias de hotel. As passagens aéreas são cedidas pela empresa parceira da CBF, de acordo com a conveniência da mesma.

O América embarcou ontem as 6:05 do Aeroporto Guararapes com destino a Brasília, chegou por volta das 8 horas. Na capital federal a delegação pernambucana trocou de avião, desta vez com destino a Teresina.....a delegação chegou depois das 12.

O almoço foi uma alegria!!! tempo para esticar as pernas e exercitar a boca!! Porque viria ainda 5 horas de ônibus no trajeto Teresina-Parnaíba!!! O América chegou ao hotel as 19 horas !!!

O tempo para descasar vai ser determinante para uma boa partida, principalmente porque o treinador já colocou a necessidade de sair do estádio Pedro Alelaf com um resultado positivo.

O time já esta definido, com 2 alterações básicas, porém a escalação só será disponibilizada momentos antes da partida.
Para o duelo a CBF escalou o árbitro Rafael Martins Diniz, do Distrito Federal, que contará com o auxílio do maranhense Ivanildo Gonçalves da Silva e o piauiense Márcio Iglesias Araújo Silva. O quarto árbitro será  o também piauiense Djalma Alves de Lima Filho.


segunda-feira, 12 de junho de 2017

Todos em igualdade



Não foi desta vez que o America trouxe seus primeiros pontos fora de casa. E isso fez com que custasse a liderança do Grupo A6. Novamente diante do Globo, com o mesmo placar de 1x0, mas a favor do time de Ceará Mirim, o América terminou a quarta rodada na terceira colocação e com os mesmos seis pontos de todos do grupo. 

Lá no Barrettão, o time esmeraldino até que tentou e assustou os donos da casa logo na primeira jogada, aos dois minutos de jogo. O time bem postado pelo técnico Emilio Cugnier jogava pelas laterais do campo e buscava o gol através de cruzamentos ou pela bola parada nos pés de Tiago Bagagem, mas através de uma jogada de contra-ataque, o Periquito acabou sendo derrotado, com um gol que saiu aos 23 minutos da etapa inicial.

Nem a estreia de Caça Rato fez com que o América saísse do Rio Grande do Norte com a permanência da ponta da tabela. Buscando o gol a todo instante no primeiro tempo, o time esbarrava na marcação do Globo e, já por volta dos 34 minutos do segundo tempo, acabou por perder o zagueiro Junior Gaúcho, expulso com cartão vermelho direto e desfalcando o Campeão do Centenário na próxima partida, diante do Parnahyba. Com menos um em campo, nem a garra e a doação do time foi suficiente para arrancar o empate no Barrettão.

Com o resultado, o Mequinha caiu da liderança para a terceira colocação, isso porque o Parnahyba é o time com melhor ataque no grupo, com quatro gols marcados, seguido do Globo, com três tentos computados e que, embora o time Potiguar esteja na segunda colocação, se a primeira fase do certame terminasse hoje, estaria desclassificado, uma vez que não estaria entre os quinze melhores segundo colocados.

Contra o Parnahyba, o América entrará em campo com a missão de pontuar para continuar sonhando em avançar de fase.

FICHA TÉCNICA: Globo-RN 1×0 América
Estádio Manoel Dantas Barretto, Ceará Mirim-RN
ARBITRAGEM: José Reinaldo Figueiredo da Silva Filho; Francisco Jailson Fernandes da Silva e Francisco de Assis da Hora; Zandick Gondim Alves Junior

GLOBO-RN: Rafael; Angelo (Cosme), Negreti, Jamerson e Pablo; Reinaldo, Tiago Lima, Erick e Renato; Glaucio (Dênis) e Romarinho (Eduardo) | Técnico: Luiz Junior
AMÉRICA-PE: Rubens; Jô, Algodão, Junior Gaúcho e Wallacy; Pink, Tiago Bagagem, Anderson Felipe (Rômulo Peretta) e Gláuber; Thomas (Igor Coutinho) e Mateus Costa (Flávio Caça Rato) | Técnico: Emilio Cugnier

Cartões Amarelos: Ângelo, Tiago Lima, Rafael, Dênis e Jamerson (Globo-RN); Wallacy e Anderson Felipe (América).
Cartão Vermelho: Junior Gaúcho (América).
Gol: Glaucio 23″1T

sábado, 10 de junho de 2017

Buscando os primeiros pontos fora do ninho

América e Globo iniciam os jogos de volta do Grupo A6 | Foto: Jefferson Maciel

A torcida americana está nas nuvens. Duas vitórias consecutivas, invencibilidade no Ademir Cunha, liderança no Grupo A6 e a contratação de Flávio Caça Rato. Fazia muito tempo que não vivíamos uma semana tão positiva como esta última. E seja na Estrada do Arraial, ou na Rua da Aurora (em Paulista), o sentimento é o mesmo, mesmo com as dificuldades que um time do porte do América faz para sobreviver.

É com esta euforia que o Campeão do Centenário encara novamente o Globo-RN, neste domingo (11), às 17h, no Barrettão. Será o começo dos jogos de volta na primeira fase da Série D e será neste clima de extrema positividade que o América irá tentar buscar seus primeiros pontos fora de casa. Na primeira rodada, ainda com o técnico Paulo Marcos no comando isso não aconteceu por um triz, com o Periquito desperdiçando uma penalidade. Sem o peso da estreia e com o plantel melhor entrosado, pontuar em Ceará Mirim pode se tornar uma realidade.

Com 100% da equipe à disposição do técnico Emílio Cugnier, o time viajou neste sábado pela manhã, rumo a Natal, onde o time realizará um apronto no CT do América de Natal. E conta também com a presença do atacante Flávio Caça Rato, que mal chegou e estará entre os 18 relacionados. Ou seja, o time vai para Ceará Mirim com 110%! 

Melhor momento não há e uma vitória pode colocar o América em condições favoráveis para ficar com um pé dentro da classificação para a segunda fase da Série D. Mais do que torcer, a gente aqui acredita.

quinta-feira, 8 de junho de 2017

Flávio Caça-Rato no América

Flávio Caça-Rato pode chegar à Estrada do Arraial ainda nesta sexta-feira. (Foto: Editoria de Arte GE)

O Blog do Mequinha tomou conhecimento que uma nova contratação está em vias de ser fechada ainda esta tarde para compor o elenco do América. O contratado é um velho conhecido da torcida pernambucana: Flávio Caça-Rato. Ainda não estão definidos os ajustes finais, mas tudo leva a crer que Caça-Rato pode se apresentar ao treinador Emílio Cugnier na manhã desta sexta-feira. 

Flávio Caça-Rato estava no Tupi-MG onde disputou 10 jogos e marcou quatro gols. Se sua contratação for ratificada ainda hoje, Caça-Rato pode integrar o ataque Esmeraldino nas próximas partidas. 

domingo, 4 de junho de 2017

Vitória e liderança



Não poderia terminar melhor a rodada para o América. Após um jogo truncado, com muita movimentação e briga pela bola, mas poucas chances reais de gol, o América venceu o Globo por 1 a 0 e subiu na classificação.

O jogo foi pegado: muita marcação, muita briga e muito estudo por parte das duas equipes. Apenas por volta dos quinze minutos da primeira etapa  é que ambos os times se abriram mais em busca do primeiro gol. Mas mesmo com toda a movimentação, poucas chances reais criadas. O Globo chegou com mais clareza em uma jogada pelo setor esquerdo da defesa americana, quase chegando ao gol depois de uma bobeira da zaga que parou pedindo impedimento. O América teve sua chance mais clara numa cabeçada de Júnior Gaúcho que passou por cima da trave.

Só no segundo tempo as equipes se tornaram mais incisivas. O Globo chegou através de duas bolas paradas com muito perigo ao gol de Rubens, que em uma das jogadas intercedeu para evitar o gol e Pink completou para afastar o perigo. O América passou a investir através de Rômulo Perreta que fez a finalização mais perigosa pelo lado do Mequinha. Mas foi por volta dos 30 minutos que o América abriu o marcador. Tiago Bagagem cobrou de forma espetacular uma falta pelo lado direito que explodiu no travessão e Rômulo Perreta aproveitou o rebote marcando o gol da vitória.

O América teve mais posse de bola, mas criou pouco dessa vez. Faltou o último passe ou melhores conclusões, mesmo com o meio criando boas situações para os atacantes, principalmente pela direita. Um jogo truncado só poderia ser decidido com uma bola parada. Foi o que aconteceu graças a bela cobrança de Tiago Bagagem.

A vitória veio e a ratificação do primeiro lugar no grupo. O América possui os mesmos seis pontos, duas vitórias e dois gols marcados que o Guarani de Juazeiro, mas leva vantagem por ter tomado menos gols. Agora é pensar no próximo desafio para tentar arrancar um novo resultado positivo.

sábado, 3 de junho de 2017



O América entra em campo neste domingo com o objetivo de conseguir mais uma vitória e caminhar forte rumo à classificação. Uma resultado positivo pode dar a liderança ao time Alviverde.

Mas o embate será difícil. O nosso adversário já é conhecido da torcida Esmeraldina. Ano passado, pelo campeonato nacional, enfrentamos o Globo-RN em duas partidas que resultaram em um empate (fora de casa) e uma derrota Alviverde (no Ademir Cunha). O time do Rio Grande do Norte é o atual vice-campeão estadual e possui os mesmos três pontos do América. Que o adversário é forte e o jogo de amanhã é um desafio dos grandes não é mistério nenhum.

Também não é mistério que o América trabalhou essa semana para resolver seus problemas internos. O clima entre os jogadores melhorou depois de um começo de semana turbulento, mesmo com a vitória heroica da semana passada. Salários foram acertados e o elenco está motivado. Motivado e sem problemas para entrar em campo: Emílio Cugnier tem todos os jogadores à disposição e força total para a partida. Pink, que fez um excelente jogo no último domingo e saiu por sentir dores musculares, está em condições de atuar e Índio pode voltar ao ataque.

Depois do último jogo, o que era desconfiança se transformou em esperança. O time jogou muito bem, demonstrando segurança e equilíbrio tático; quando precisou jogar com a emoção assim o fez e lutou até conseguir o gol da vitória. A química entre a torcida e o time dentro de campo foi mágica e superou até a arbitragem patética e escandalosa que quase jogou por terra a chance da briga por uma vaga na segunda fase. 

Agora a gente espera que essa história se repita com menos percalços. O time já mostrou que tem condições para isso; a torcida mostrou que vai ajudar. Agora é esperar o melhor, pois nossa torcida veste o verde da esperança!