quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

Salgueiro 1x1 America: Engrenou



Não foi uma vitória, nem uma apresentação maiúscula. Mas a garra e o esforço do esquadrão alviverde trouxeram um importante ponto que dá ainda mais confiança ao time e sua torcida.

O jogo teve duas caras e o mesmo pano de fundo. No primeiro tempo, uma partida movimentada com muita correria onde o Salgueiro se saiu melhor criando e desperdiçando muitas chances. Exceto pela que teve com Maurício, ex-América, logo no início do jogo e que foi consolidada no primeiro gol do clube no certame. O América, em suas poucas oportunidades, marcou com Wallacy. No segundo tempo, o jogo esfriou. Novamente as iniciativas principais de ataque partiram do Salgueiro, que desperdiçou todas. Mas de qualquer forma, o empate foi assegurado pela boa marcação e certo equilíbrio do time Alviverde. Que na garra segurou como pode o resultado, superando o cansaço da maratona de jogos, à toque de caixa, contra três dos principais clubes da competição.

Engrenou. Respondendo a pergunta feita por nós mesmos na última postagem.

Engrenou porque o time do América, superando dificuldades técnicas e estruturais, mostrou que sabe se adaptar às situações de jogo. Engrenou porque o ataque funcionou em todas as partidas e, mais do que a defesa, foi o responsável pelos pontos e boa colocação do time até aqui. Acreditem, quase nunca foi assim.

Por fim, engrenou na confiança. Ganhamos em casa de um grande, empatamos fora contra outro grande e temos pernas e condições táticas, demonstradas por Roberto de Jesus, de lutar em iguais condições com nossos próximos adversários.

Agora é descansar e pensar no próximo desafio. E saborear o doce momento de estar nas cabeças da tabela!



FICHA TÉCNICA: SALGUEIRO 1x1 AMÉRICA
Campeonato Pernambucano - 3 rodada | Cornélio de Barros, Ademir Cunha

SALGUEIRO: Mondragon; Sinho (Marcos Tamandaré), Mauricio, Luis Eduardo e Leo; Escuro, Neverton (Alexon), Jaildo (Piauí) e Fabiano; Willian e Laercio | Técnico: Paulo Junior

AMÉRICA: Filipe; Ricardinho (Robert), Walter, Julio Cesar e Wallacy; Bia (Popila), Kadir, Tiago Bagagem e Iran (Alisson); Bili e Caxito | Técnico: Roberto de Jesus

ARBITRAGEM: Luiz Cláudio Sobral; José Daniel Torres de Araujo e Humberto Martins Dias da Silva; Vanderley do Nascimento Pereira

GOLS: Mauricio 3"1T (SAC); Wallacy 19"1T
CARTÕES AMARELOS: Anderson, Fabiano, Alexon (SAC); Filipe, Iran, Julio Cesar, Bili, Walter (AFC)
PUBLICO: 1.159 | RENDA: R$ 6.257

0 comentários:

Postar um comentário